Google+ Followers

domingo, 29 de maio de 2016

Vença os seus problemas, medos e anseios

Falta o que na sua vida, pra sua vida? Falta o amor? Falta a humildade? Falta o perdão?
Hoje, numa das muitas vezes em que deixei meus afazeres para 'brincar' com o meu filho caçula, percebi o quanto devemos mesmo dedicar mais de nós para as crianças, para que cresçam felizes e tenham valor moral e espiritual.
Brincar com os filhos é sinal de amor, de ternura, de bem querer. As crianças precisam e dependem disso. Muitos pais tem trocado a presença na vida dos filhos por horas extras, por viagens e por festas com os amigos. Entretanto, deveriam perguntar-se: -“Se eu fosse criança, o que preferiria, um brinquedo ou a companhia do meu pai?” E eles mesmo compreenderiam que nenhuma coisa material supre a falta de um pai.
Deixo muitos afazeres para dedicar meu tempo ao meu filho. O meu tempo é dele. Ele é causa da minha alegria e merece o que faço.
Escrevo tudo isso porque aprendi hoje como vencer o mal com  bem e o bem maior é a estrutura familiar bem alicerçada. Aprendi que não temos como evitar que outros nos façam mal, por conta do tempo e do imprevisto, mas que podemos e devemos estar preparados e que para vencer devemos perseverar em fazer o que é correto. Coisas simples, comuns e apropriadas.
Para vencer os problemas, medos e anseios, é necessário confiança no Criador, Jeová Deus. É preciso buscar conhecimento para viver e sobreviver -na Bíblia, por exemplo- ou nas pessoas maduras, com personalidade conhecida como boa, decente.
Para vencer traumas, desorientação, sofrimento, é preciso perdoar, arrepender-se, revestir-se da nova personalidade. “Continuem a renovar a sua maneira de pensar  e revistam-se da nova personalidade, que foi criada segundo a vontade de Deus, em verdadeira justiça e lealdade.” (Efésios 4:23, 24)
'Troque conversas prejudiciais por pensamentos sadios.'
Exerça autodomínio.
Para ter felicidade e contentamento, vença o mal com o bem.
                                                         Joca Vitorino

Pensamento:  “Portanto, como escolhidos de Deus, santos e amados, revistam-se de terna compaixão, bondade, humildade, brandura e paciência.  Continuem a suportar uns aos outros e a perdoar uns aos outros liberalmente, mesmo que alguém tenha razão para queixa contra outro. Assim como Jeová os perdoou liberalmente, vocês devem fazer o mesmo.  Mas, além de todas essas coisas, revistam-se de amor, pois é o perfeito vínculo de união.” (Colossenses 3:12-14)

sexta-feira, 27 de maio de 2016

ESTUPRO. -Homens não devem se calar diante disso


Na verdade, homens não estupram. Homens não precisam que seja à força. Homens nasceram de mulheres, portanto, não agrediriam desumanamente suas iguais.
#Eles não são homens.
Quem tem que se doer e defender para desfazer toda essa confusão não são as mulheres, são os homens que não só possuem membros masculinos, sim os que possuem mente masculina, porque todo homem vem de uma família, gerado, possivelmente por um homem e uma mulher, e provavelmente tem uma irmã, uma tia, uma prima, uma sobrinha, uma namorada, uma esposa ou uma amante.
As pessoas observam e absorvem isso como algo que deveria acontecer em um momento ou outro. Natural é a água de uma fonte, é o fruto de uma árvore, é o nascer e o por do sol, não o estupro!
Os homens é que não devem se calar diante disso.
Os verdadeiros homens não devem esperar que as mulheres, apenas elas se manifestem. Devem, sim, apresentar sua repugnância, seu desprezo e sua insatisfação pelo ocorrido.
#A nação não apoia isso.
Indignação é pouco diante da crueldade, da falta de virtude e da demonstração pública de vileza comprovada por elementos ditos homens, nessa sessão de poder marginal. (Joca Vitorino)
A UNICEF se manifestou dizendo: É inadmissível que a violência sexual continue sendo banalizada. Tolerância zero a todas as formas de violência contra crianças e adolescentes. <
 COMO ajudar mulheres que são vítimas de violência? Primeiro, é preciso compreender a situação delas. Muitas vezes a agressão não se restringe à violência física. O agressor costuma usar ameaças e intimidação, fazendo com que a vítima se sinta inútil e desamparada.
Como se pode ver, a violência contra a mulher é uma questão complexa. Para poder ajudar, ouça com compaixão. Lembre-se de que em geral é muito difícil para a vítima falar sobre o assunto. Seu objetivo deve ser encorajá-la a lidar com a situação sem pressionar.
A Bíblia diz: “Livrará ao pobre que clama por ajuda, também ao atribulado e a todo aquele que não tiver ajudador. Resgatará sua alma da opressão e da violência.”
...A verdade é que o agressor escolhe a brutalidade como forma de dominar a mulher.
Gênesis 1:27 diz: “Deus passou a criar o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; macho e fêmea os criou.” Desde o início, o ser humano — tanto o homem como a mulher — foi criado com a capacidade de refletir as qualidades de Deus. Embora Adão e Eva fossem diferentes em sentido físico e emocional, os dois receberam os mesmos direitos e orientações de seu Criador. Gênesis 1:28-31. <http://wol.jw.org/pt/wol/d/r5/lp-t/2012642#h=12> Sendo assim, o homem não é melhor do que a mulher em garantidamente nada.


Pensamento: “Por fim, irmãos, tudo que é verdadeiro, tudo que é de séria preocupação, tudo que é justo, tudo que é casto, tudo que é amável, tudo de que se fala bem, tudo que é virtuoso e tudo que é digno de louvor, continuem a considerar essas coisas.” (Filipenses 4:8)

sexta-feira, 20 de maio de 2016

Aquilo que nos conduz para o que é bom

Não se ama extremamente. O extremo é sempre a lâmina que rompe a vida. Quero é viver.
Essas são palavras que demonstram madureza. Para exprimi-las é necessário discernimento sobre a vida. Viver é bom. Compreender isso traz para dentro do ser a alegria e positividade.
Observe bem o que diz a Palavra de Deus: “Porque estar sob a sua ira é [apenas] por um instante, estar sob a sua boa vontade é para toda uma vida. À noitinha talvez tome pousada o choro, mas de manhã há um clamor jubilante.” (Salmo 30:5) Entendeu? Viver é ter e subsistir na esperança de que o verdadeiro e soberano Senhor Jeová é o único e justo Deus que há, o único que dá vida e poder além do normal.
Para viver no plano sagrado, nada melhor do que a obediência ao Criador.  “Isto significa vida eterna, que absorvam conhecimento de ti, o único Deus verdadeiro, e daquele que enviaste, Jesus Cristo.” (João 17:3) Esse texto confirma com propriedade tudo isso. Ensina-nos que devemos sempre seguir aquilo que nos conduz para o que é bom.

                                                                        Joca Vitorino

Pensamento: “O salário pago pelo pecado é a morte, mas o dom dado por Deus é a vida eterna por Cristo Jesus, nosso Senhor.” (Romanos 6:23)



segunda-feira, 16 de maio de 2016

Como disciplinar o amor

Para ter alegria na minha vida fiz de tudo: namorei muitas pessoas, trabalhei nas coisas que gosto, fiz centenas de amizades, empreguei noites curtindo, passeei, viajei, desenhei, li, escrevi, escutei, refleti e falei. É, havia feito tudo o que pensei ser agradável e valioso.
Tive tempo de amar. Amei pessoas maravilhosas, estranhas, exóticas. Amei minha família, amei a minha mãe, um amor onde o seu presente era eu. Me dava para a minha mãe com a minha consciência voltada para a felicidade e para a colheita que se há de fazer.
Fiz tudo pra ter alegria. Amei, aprendi, ministrei e depois de tudo senti um vazio. Tentei preencher minha vida trabalhando muito, curtindo muito e tentando muito muitas outras coisas, porém um vazio incalculável havia se instalado em mim e eu não sabia o que fazer. Não sabia mais o que fazer até que certo dia, duas senhoras conversavam comigo quando, num estalo, compreendi no meu coração, ou seja, discerni o que é muito profundo na Palavra de Deus quando diz: ‘Vocês conhecerão a verdade, e a verdade os libertará.’ (João 8:32) E foi assim que fui preenchido, pois havia um vazio antes por causa da escuridão espiritual que as pessoas não se dão conta, mas que as afeta e atinge, e eu estava nessa escuridão, portanto, vazio do que é bom, do que causa felicidade, do amor e da presença de Deus.
O amor nunca acaba e para disciplinar o amor é preciso fé, posto que o amor é maior do que tudo.
Como assim, disciplinar o amor? Porque o amor que assistimos, ficamos sabendo por aí e que se torna notícia é um amor doentio, que na verdade, nem era para ser chamado de amor. Esse tipo de sensação tem que ser controlado, trabalhado, para tornar-se algo, ao menos, necessário.
Para ter alegria discipline-se. Não queira ‘consertar’ os outros ou os erros dos outros. Discipline a si mesmo e a recompensa será paz e felicidade.

                                                      Joca Vitorino


Pensamento: “Se eu der todos os meus bens para alimentar outros, e se eu entregar o meu corpo para me gabar, mas não tiver amor, de nada me adianta.” (1 Coríntios 13:3)

sexta-feira, 13 de maio de 2016

A que distância você está de Deus?


Ontem, conversando com uma jovem senhora, compreendi melhor o valor de uma religião, que não é como muitos andam dizendo por aí, a questão de ‘placa’, ou de quantidade de fiéis. A religião é o amor promovido por aquele grupo, onde quer que se encontre. É o respeito aos membros e aos que estão ‘lá fora’, pois o atrair de Deus não escolhe posição social, raça, sexo ou introduções específicas criadas para dar ênfase a um assunto. Deus é justo. Sempre foi, sempre será.
O valor de uma religião não consiste em dizimar a outra com palavras e más ações. A religião é para otimizar, alargar, conjuntar, unir e amar ao próximo, esse é o propósito. Então, se a religião não é capaz de sequer uma dessas coisas, a que distância está de Deus?
A que distância você está de Deus, se diz que religião é só uma placa, porque escutou alguém falar, ou um pastor falar? Se for só uma placa, se isso fosse verdade, nem eles mesmo diriam isso, pois teriam ido para outra congregação, se acreditassem mesmo nisso. Estariam em uma das muitas religiões da esquina.
A que distância você está de Deus quando permite que alguém diga algo a você, como se ensinasse, mas não comprova isso nas próprias Escrituras Sagradas? (Atos 17:2, 3)
A que distância você está de Deus quando acha que sua opinião sobre alguma questão religiosa é a mais importante e verdadeira, sem se importar com o ponto de vista do outro?
A que distância você está de Deus quando acha que pode viver uma vida dupla e só ser cristão quando está na Igreja, fora dela é um qualquer?

“ENTRAI pelo portão estreito”, disse Jesus, “porque larga e espaçosa é a estrada que conduz à destruição, e muitos são os que entram por ela; ao passo que estreito é o portão e apertada a estrada que conduz à vida, e poucos são os que o acham.” (Mateus 7:13, 14) Segundo a Palavra de Deus, existem apenas duas espécies de religião: uma verdadeira e outra falsa; uma certa e outra errada; uma que conduz à vida eterna e outra que conduz à destruição.
Lemos em Juízes 10:6, 7 que se adorarmos outro deus, senão o verdadeiro, não teremos a sua aprovação. Também em Marcos 7:6, 7 lemos que se ensinam suas próprias ideias em vez do que a Bíblia diz, isso não é aceitável ao Criador. (Confirme em João 4:24.
A que distância mesmo você está de Deus?


Pensamento: “Pelos seus frutos vocês os reconhecerão. Será que se colhem uvas dos espinheiros ou figos dos abrolhos?” (Mateus 7:16)

Serenidade -muito prazer!


Vivemos épocas em que a moral e a ordem são descartadas como se não mais necessárias, porém, acreditamos que Deus é justo e a compaixão, isso que muitos não compreendem por causa da filosofia e imperfeição humana, traz, para o ser humano espiritualmente ajustado, a serenidade.
Sereno diz-se da pessoa calma, tranquila, sossegada e que faz as coisas minimamente calculadas, para que o resultado final seja positivo e saia da melhor maneira possível. 
Aplicado para o ser humano, sereno é o conceito geralmente associado com a capacidade de uma pessoa para agir de forma racional e forte em todos os momentos. O assunto é calma, portanto, não se deixa levar por impulsos ou por emoções. (http://oquee.com/sereno/)
A compaixão do Grandioso Criador Jeová é incomparável. Será que [a] terna compaixão é sinal de fraqueza? Na opinião de muitos humanos imperfeitos, sim. Por exemplo, o filósofo romano Sêneca, contemporâneo de Jesus e um dos mais importantes intelectuais de Roma, ensinava que “sentir pena é uma fraqueza da mente”. Sêneca era partidário do estoicismo, a filosofia que dava ênfase à calma desprovida de sentimentos. O sábio podia ajudar os necessitados, dizia ele, mas não devia ter pena, porque esse sentimento o privaria da serenidade. Segundo esse raciocínio egocêntrico, era inadmissível demonstrar compaixão de coração. Mas Jeová não é assim. Na sua Palavra, ele nos assegura que “é mui terno em afeição e é compassivo”. (Tiago 5:11, nota, NM com Referências) Como veremos, a compaixão não é uma fraqueza, mas uma qualidade forte e vital. Analisemos como Jeová, igual a um pai ou uma mãe amorosos, a manifesta.
Sejamos constantes, inabaláveis, cheios de fé e perseverança, com esperança.
Serenidade -muito prazer!
                                                                Joca Vitorino
Pensamento: "A pessoa prudente vê o perigo e se esconde, mas os inexperientes vão em frente e  sofrem as consequências." (Pro. 27:12)

quarta-feira, 4 de maio de 2016

Preste a devida atenção


O som da chuva caindo lá fora causava um relaxamento. Era esse interesse que as pessoas deveriam ter na vida; o de prestar atenção às mínimas coisas advindas da natureza. O de prestar atenção em como é maravilhoso o nosso Grandioso Deus, que nos conforta, anima, inspira e guia nos bons caminhos que devemos trilhar.
Prestar atenção significa manter a vigilância.
“Presta constante atenção a ti mesmo e ao teu ensino. . . . Por fazeres isso, salvarás tanto a ti mesmo como aos que te escutam.” (1 TIMÓTEO 4:16). Percebeu? Isso significa manter-se atento.
Prestar atenção pode salvar a sua vida. Lembre do que a Bíblia diz sobre Noé, que ele fez 'exatamente' como Jeová Deus o instruiu. (Gên. 6:22) 
Prestar atenção é ser obediente.
                                                                           Joca Vitorino

Pensamento: "Seja sábio, meu filho, e alegre meu coração, para que eu possa dar uma resposta àquele que me desafia." (Pro. 27:11)

terça-feira, 3 de maio de 2016

Bom para meditar, não é?


O QUE AS PESSOAS TEM NO CORAÇÃO?
Maltratam tanto os seus semelhantes!
Venderam homens como a coisas. (E se vendem, até).
Desrespeitam pessoas como se não valessem nada.
O que as pessoas tem no coração?


AS NOSSAS ESCOLHAS PODEM NOS LEVAR PARA CIMA OU PARA BAIXO;
DEPENDE DE QUE LADO ESCOLHEMOS ESTAR.
O QUE FAZER PARA TER UMA BOA SAÚDE?
(EVITAR O QUE CAUSA MAL)
O QUE FAZER PARA ESTAR DE BEM COM A VIDA E COM A FAMÍLIA?
(UM FATOR É PERDOAR, O OUTRO É FAZER O QUE É CERTO, POIS COLHEREMOS O QUE PLANTARMOS). -Joca Vitorino

Pensamento: "Leais são os ferimentos causados por um amigo, Mas muitos são os beijos do inimigo." (Pro. 27:6)


Viver é bom!



Eu nunca mais sorri depois que a conheci.
Viver é tudo o que você quiser, menos difícil. Viver é acordar, beber, comer, sair, jogar, dormir, respirar, sorrir, chorar, ler, escrever, desenhar, pintar, namorar e meditar.
Viver é uma forma de convite ao estímulo; venha sentir como é bom fazer isso ou aquilo!... Viver é poder raciocinar em como vai ser o seu dia. E se sentir bem por ter mais um dia, por ter família, por ter um lar para morar, por ter o pão de cada dia.
Os privilégios, as dádivas, as bençãos e proteção são fatores de viver. Quem dá é o Todo-Poderoso Criador dos céus e da Terra. Compreender e discernir -isso é viver.
Nunca mais o sorriso aliou-se a mim depois que a conheci. Eu era tão feliz!
Aprender a viver é preciso. Necessitamos de motivação e ela está em nós, esperando para ser declarada. Está bem à flor da pele, no olhar e no sorrir. Está no falar e no calar.
Viver é bom. É querer isso para si e para os outros. É ter e manter a positividade.
Meu sorriso tornou-se escasso até deixar de ser.
Como pode por um só motivo a felicidade escapar de alguém? Preste atenção.
A minha vida parecia música boa. Parecia uma sinfonia. A alegria sempre foi o meu par. Até que a tribulação fez tanta questão de mim, me perseguiu, me alcançou.
Hoje dei o troco e a resposta, pois encontrei-me escondido com a felicidade e voltei a ser feliz e disse tudo o que queria até que tornou-se intensa a minha alegria.
Viva Deus! Viva o tudo de bom. Viva o sabor e o som.
VIVER É BOM.
                                                          Joca Vitorino 

Pensamento: "Assim como o pássaro tem motivo para fugir e a andorinha para voar, Assim a maldição não vem sem nenhum motivo." (Provérbios 26:2)