Google+ Followers

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Sol nascente / Joca

Em uma de minhas viagens vi o sol num levante magnífico e amei a Deus por isso.
Por isso mesmo, também, resolvi compartilhar.
Aqui, fotografei em Paulo Afonso-Ba.

Jovem- está preparado para sair de casa?

Crenças Futuro Medicina Assuntos Contate-nos Publicações Idiomas






Os Jovens Perguntam



Estou pronto para sair de casa?





“Às vezes, sinto que as pessoas não me levam a sério porque já tenho 19 anos e ainda não saí de casa, como se eu tivesse de morar sozinha para ser adulta.”— Katie.*



“Tenho quase 20 anos e me irrita saber que não sou dona de minha vida. Já pensei em sair de casa porque meus pais não levam em conta minha opinião e ficam dizendo que sabem das coisas melhor do que eu. Não aguento mais isso!” — Fabiana.




MUITO antes de estar pronto para sair de casa, você talvez comece a sentir vontade de ser independente. Isso é normal. Afinal, originalmente a vontade de Deus para os jovens era que por fim eles deixassem os pais para formar a própria família. (Gênesis 2:23, 24; Marcos 10:7, 8) Mas será que o fato de você querer mais liberdade significa que já é hora de se mudar? Pode ser. Mas como você vai saber quando estiver realmente pronto para sair de casa? Analise três perguntas importantes que você precisa responder. A primeira é . . .



Por que quero sair de casa?

Para ajudá-lo a entender claramente por que você quer se mudar, dê uma olhada na lista a seguir. Numere suas razões em ordem de importância.



Fugir dos problemas em casa



Ter mais liberdade



Ser mais respeitado pelos colegas



Ajudar um amigo que precisa dividir o aluguel



Fazer trabalho voluntário em outro lugar



Ganhar experiência



Não dar despesas para meus pais



Outra



Essas razões não são necessariamente más. Mas o motivo de você querer sair de casa pode ter uma grande influência na sua felicidade depois de deixar o teto de seus pais. Por exemplo, se o motivo é apenas fugir dos problemas em casa ou ter mais liberdade, você provavelmente vai ficar surpreso.



Daniele, que morou um tempo fora de casa quando tinha 20 anos, aprendeu muito com essa experiência. Ela conta: “Todos nós temos de conviver com certas restrições. Quando você está por conta própria, seus horários de trabalho ou a falta de dinheiro restringem o que você pode fazer.” Carmen, que morou no exterior por seis meses, diz: “Gostei da experiência, mas muitas vezes achava que não tinha tempo livre. Tinha de cuidar da casa — fazer limpeza, consertar coisas, cuidar do jardim, lavar roupa, esfregar o chão e assim por diante.”



É verdade que sair de casa pode lhe dar mais liberdade e aumentar o respeito dos colegas. Mas é você quem vai pagar as contas, cozinhar, limpar a casa e preencher o tempo quando não estiver com a família ou os amigos. Então, não deixe que os outros o influenciem a tomar uma decisão precipitada. (Provérbios 29:20) Não basta ter motivos válidos para sair de casa. Você precisa saber cuidar de si mesmo — o que nos leva à segunda pergunta . . .



Estou preparado?

Sair de casa é como fazer uma trilha na floresta. Você se aventuraria a fazer isso sem saber armar uma barraca, acender uma fogueira, preparar comida ou ler um mapa? Provavelmente não! Mas muitos jovens vão morar sozinhos sem saber direito como cuidar de uma casa.



O sábio Rei Salomão disse que “quem tem juízo está sempre prevenido”. (Provérbios 14:15, Bíblia na Linguagem de Hoje) Para ajudá-lo a analisar se está preparado para morar sozinho, analise os seguintes tópicos.



Administrar o dinheiro “Nunca precisei pagar nada do meu bolso”, diz Serena, de 19 anos. “Tenho medo de sair de casa e não saber cuidar bem do meu dinheiro.” Como você pode aprender a administrar o dinheiro?



O QUE OUTROS JOVENS DIZEM



Sarah

“Quando seus pais lhe dão responsabilidades — parecidas às que você terá ao sair de casa —, daí continuar morando com eles se torna um modo seguro de aprender a viver sozinha mais tarde.”



Aron

“É normal querer independência. Mas, se você quer sair de casa só para fugir de regras, isso indica que você não está preparado para morar sozinho.”

Um provérbio bíblico diz: “O sábio escutará e absorverá mais instrução.” (Provérbios 1:5) Então, que tal perguntar a seus pais quanto uma pessoa precisa por mês para pagar o aluguel ou o financiamento, comprar comida, manter um carro ou pagar outros custos envolvendo transporte? Daí, peça a seus pais que o ajudem a fazer um orçamento doméstico. Por que é importante aprender a viver dentro de um orçamento? Kevin, de 20 anos, diz: “Quando você começa a morar sozinho, aparece um monte de despesas inesperadas. Se não tomar cuidado, você vai se matar de trabalhar para pagar as dívidas.”



Quer fazer um teste de como é viver sozinho? Se você tem um emprego, dê aos seus pais, por um tempo, o dinheiro dos gastos mensais que eles têm com você envolvendo alimentação, moradia e outras coisas. Se não conseguir ou não estiver disposto a pagar essas despesas enquanto estiver em casa, você não está preparado para morar sozinho. — 2 Tessalonicenses 3:10, 12.





Sair de casa é como fazer uma trilha na floresta — você precisa aprender a cuidar de si mesmo antes de começar







Cuidar das tarefas domésticas O que mais preocupa Beto, de 17 anos, é lavar a própria roupa. Como você pode saber se está pronto para cuidar de si mesmo? Aron, de 20 anos, dá a seguinte sugestão: “Por uma semana, leve a vida como se morasse sozinho. Prepare sua própria comida usando itens que você mesmo comprou com seu dinheiro. Use roupas que você lavou e passou. Limpe o que sujou. E tente ir aos lugares que precisa sem pedir que um dos seus pais o leve ou o busque.” Seguir essas sugestões o ajudará em dois sentidos: (1) a desenvolver habilidades importantes e (2) a valorizar mais as coisas que seus pais fazem.



Relacionamentos Você se dá bem com seus pais e irmãos? Se a resposta for não, talvez ache que ir morar com um amigo seria mais fácil. Pode até ser. Mas veja o que Eva, de 18 anos, diz: “Duas colegas minhas foram morar juntas. Elas eram muito amigas. Mas uma era organizada e a outra bagunceira. Uma levava a sério sua religião e a outra nem tanto. A experiência não deu certo!”



Elaine, de 18 anos, quer sair de casa. Mas ela diz: “Você pode aprender muito sobre como se dar bem com outros enquanto estiver morando em casa. Você aprende a resolver problemas e a ceder. Percebi que os que saem de casa para evitar discussões com os pais aprendem a fugir dos conflitos, não a resolvê-los.”



Rotina espiritual Alguns saem de casa só para fugir da rotina religiosa da família. Outros saem decididos a manter um bom programa de estudo da Bíblia e de adoração, mas logo acabam desenvolvendo maus hábitos. Como evitar que sua fé sofra um “naufrágio”? — 1 Timóteo 1:19.



Não aceite cegamente a religião de seus pais. Jeová Deus quer que estejamos convencidos de nossas crenças. (Romanos 12:1, 2) Então, crie uma rotina de estudo da Bíblia e de adoração e se apegue a ela. Que tal anotar essa rotina espiritual num calendário e ver se consegue segui-la por um mês sem que seus pais precisem lembrá-lo disso?



Finalmente, a terceira pergunta que você precisa analisar é . . .



O que espero alcançar?

Alguns saem de casa para fugir de problemas ou da autoridade dos pais. Sua atenção está nas coisas que estão deixando para trás, não aonde estão indo. Isso é como dirigir olhando apenas no retrovisor. Quando o motorista se concentra no que está ficando para trás, não percebe o que está à sua frente. O que aprendemos disso? Não se concentre apenas em sair de casa — mantenha seus olhos fixos num objetivo que vale a pena.



Alguns jovens Testemunhas de Jeová se mudaram para pregar em regiões distantes em seu país ou no exterior. Outros, com o objetivo de ajudar na construção de locais de adoração ou trabalhar numa filial das Testemunhas de Jeová. Ainda outros acham que devem morar sozinhos por um tempo antes de se casar.#



PARA VOCÊ PENSAR

■Mesmo que o ambiente em casa seja difícil, como continuar ali por um tempo pode ajudar você?

■Enquanto estiver com seus pais, o que você pode fazer para beneficiar sua família e se preparar para cuidar de sua própria casa?

Escreva um objetivo que você gostaria de alcançar ao sair de casa.





Em alguns casos, pode acontecer de a pessoa ficar em casa tanto tempo que acaba não desenvolvendo a maturidade e as habilidades necessárias para morar sozinha. Mesmo assim, não tome uma decisão precipitada. Pense bem! “Quem planeja com cuidado tem fartura”, diz um provérbio bíblico, “mas o apressado acaba passando necessidade”. (Provérbios 21:5, BLH) Ouça os conselhos de seus pais. (Provérbios 23:22) Ore sobre o assunto. Ao tomar uma decisão, leve em conta os princípios bíblicos analisados neste artigo.



Outros artigos da série “Os Jovens Perguntam” estão disponíveis em www.watchtower.org/ypt



Em vez de se perguntar ‘Estou pronto para sair de casa?’, pergunte-se ‘Estou pronto para cuidar de minha própria casa?’. Se você acha que está preparado, então talvez seja a hora de tomar seu próprio rumo na vida.



UMA NOTA PARA OS PAIS

Serena, já mencionada, tem receio de sair da casa dos pais. Por quê? Ela comenta um dos motivos: “Mesmo quando quero comprar algo com meu próprio dinheiro, meu pai não deixa. Ele diz que esse é o papel dele. Assim, a ideia de pagar minhas contas me assusta.” Não há dúvida que o pai dela faz isso com a melhor das intenções, mas você acha que ele está ajudando Serena a se preparar para cuidar da sua própria casa no futuro? — Provérbios 31:10, 18, 27.



Será que seus filhos são superprotegidos e por isso mal preparados para viver sozinhos? Como você pode saber? Analise as quatro habilidades mencionadas no artigo, mas agora do seu ponto de vista.



Administrar o dinheiro. Seus filhos mais velhos sabem como preparar uma declaração de renda? Sabem o que precisam fazer para estar de acordo com as leis tributárias? (Romanos 13:7) São capazes de comprar a crédito de forma responsável? (Provérbios 22:7) Conseguem fazer um orçamento doméstico e viver dentro dele? (Lucas 14:28-30) Já sentiram a satisfação de comprar algo com o dinheiro que ganharam trabalhando? Que dizer da satisfação ainda maior de dar do seu tempo e recursos para ajudar outros? — Atos 20:35.



Cuidar das tarefas domésticas. Suas filhas e seus filhos sabem cozinhar? Você os ensinou a lavar e passar roupa? Se dirigem, conseguem fazer com segurança manutenções simples no carro, como trocar um fusível, o óleo ou um pneu furado?



Relacionamentos. Quando seus filhos mais velhos se desentendem, você age como juiz, impondo a solução do problema? Ou ensinou-os a negociar uma solução pacífica e depois comunicar como conseguiram fazer isso? — Mateus 5:23-25.



Rotina espiritual. Você simplesmente diz a seus filhos em que eles devem acreditar ou usa de persuasão? (2 Timóteo 3:14, 15) Em vez de sempre responder às perguntas que eles fazem sobre questões religiosas e morais, você os ensina a desenvolver “raciocínio” e a ‘treinar suas faculdades perceptivas para distinguir tanto o certo como o errado’? (Provérbios 1:4; Hebreus 5:14) Gostaria que eles seguissem sua rotina de estudo pessoal da Bíblia? Ou seu exemplo deixa a desejar?



Sem dúvida, treinar os filhos nas áreas mencionadas exige tempo e muito esforço. Mas você vai ver que tudo isso valeu a pena no dia em que eles saírem de casa.





--------------------------------------------------------------------------------



* Alguns nomes neste artigo foram mudados.



# Em algumas culturas, é comum os filhos, em especial as moças, morarem com os pais até se casar. A Bíblia não dá conselhos específicos sobre esse assunto.

Publicado em Despertai! de julho de 2010

Por ter filhos e também por dar especial atenção à palavra de Deus, copiei esse artigo que, sei, vai ajudar muitos a ajustarem suas vidas. Reflita!

terça-feira, 17 de maio de 2011

Garota sequestrada - Ajudem!!!

Enviaram para o meu e-mail esse pedido de ajuda e como sei que existem pessoas valorosas e sensíveis, penso que será proveitoso.
Que Deus abençoe os que se empenham em ajudar ao próximo!